Buenos Aires: a capital do tango!

Buenos Aires, capital do tango e da Argentina, conquista os visitantes com sua excelente gastronomia, museus, livrarias, cafés, ruas arborizadas, parques e muitas lojas que, com o real valorizado, possuem bons preços.

A cidade de Buenos Aires sempre oferece ao visitante diversas atrações, desde um show de tango até assistir uma partida de futebol no estádio La Bambonera.

Em Buenos Aires você fica parado se quiser, pois a cidade funciona 24 horas. Assim, depois do jantar, você pode dar uma esticada em uma balada que só termina ao amanhecer, quando já estão aberto os cafés e, um pouco depois, os museus e as ruas já estarão cheias de gente.

As ruas arborizadas convidam para uma boa caminha nos bairros mais turísticos, como o Centro, Recoleta, Palermo, San Telmo e Retiro.

 

Onde ficar

Buenos Aires possui diversos hotéis, desde albergues e hotéis mais econômicos até hotéis luxuosos. Escolha que atenda sua necessidade e tenha uma localização de acordo com o que você procura.
Se você quer estar perto de muitas lojas, bares, baladas e restaurantes, surigo algum hotel perto da Calle Florida.

Para quem quer algo mais tranquilo e também estar perto de bons cafés e restaurantes, sugiro ficar no bairro Recoleta, onde está o túmulo da Eva Perón (Evita).

 

Transporte

Buenos Aires é uma boa cidade para se conhecer a pé e, para distâncias mais longas, você pode optar pelos taxis, que não são caros.

A cidade possui um bom transporte público, composto por ônibus e metrô, que cobrem os principais pontos turísticos da cidade.

 

Compras

Para comprar souvenir, roupas, artesanato e artigos locais a Calle Florida é uma boa opção. É uma rua cheia de lojas, artistas de rua e que não passa automóveis. Algumas lojas funcionam até mais tarde.

Se você procura roupas de boas griffes, sugiro uma visita a Galeria Pacifico, na Calle Florida, um belo shopping.

Um shopping com boas opções de lojas é o Abasto Shopping, na Av. Corrientes 3247. De metrô, pegue a linha B e desça na estação Carlos Gardel.

 

Dicas de pontos turísticos, atrações e passeios em Buenos Aires

 

Centro

O centro cívico de Buenos Aires localiza-se na Plaza de Mayo, onde estão as principais construções institucionais da cidade, como a Casa de Gobierno ou Casa Rosada, o Cabildo, a Catedral de Buenos Aires…

 

A Avenida de Mayo é o eixo cívico da cidade, pois une a Casa Rosada (Executivo) com o Palácio del Congresso (Legislativo). Nesta mesma avenida está o Cafe Tortoni, recomendado para tomar um café ou assistir a uma apresentação de tango.

Nesta região também tem a Av. Corrientes, com diversos cafés, tangos, livrarias, cinemas, o Teatro Colón e o Obelisco, cartão postal da cidade.

 

Tem também a Calle Florida, rua comercial para pedrestres com diversas lojas, artistas de rua e muito, mas muito movimento. É nesta rua que se localiza o luxuoso shopping Galerias Pacifico.

 

Retiro

No final da Calle Florida você chega ao bairro Retiro, onde tem uma estação de trem, que possui saídas para Tigre (onde tem um casino e o Parque de la Costa) e outros bairros.
Ponto marcante deste bairro é a Torre de Los Ingleses, que é uma réplica do Big Ben inglês.

 

La Boca

A principal característica deste bairro são as casas construídas com latas e coloridas. A rua mais turística é a Caminito, ponto turístico obrigatório! Conta com lojas de souvenirs, dançarinos e artistas de rua.

No bairro está o estádio do Baca Juniors, o La Bambonera. Pode-se visitá-lo, pagando-se uma entrada.

O bairro não é recomendado à noite, pois está na periferia de Buenos Aires.

 

San Telmo

Este bairro tem diversos antiquários e galerias de arte. Domingo à tarde é realizada uma feira, na Plaza Dorrego, a Fería de San Pdro de Telmo, repleta de barracas. Diversos artistas de rua se apresentam no local.

 

Puerto Madero

O porto foi revitalizado e abriga o maior pólo de diversão de Buenos Aires, com diversos restaurantes, cinemas, casas noturnas, cafés, museus…

Tem também um cassino localizado em um navio, para driblar as leis de Buenos Aires que não permitem cassinos.

 

Recoleta

Nos finais de semana é realizada uma feira de artesanato e o bairro fica bastante movimentado. Conta bom bons restaures, cafés e bares. É um bairro bem arborizado.

No cemitério da Recoleta você pode visitar o túmulo de alguns ilustres argentinos, sendo o destaque Eva Perón.

 

Palermo

É um bairro residencial, que oferece diversas praças arborizadas, restaurantes e bares. O parque 3 de Febrerero é muito bonito.

 

Tango

Buenos Aires é conhecida mundialmente por seu tango. Você pode assitir performances de tango caminhando pelas ruas ou em shows, como o Señor Tango.

 

Tigre

Tigre é uma cidade próxima a Buenos Aires e vale uma visita. A cidade conta com um cassino, um parque de diversões (Parque de la Costa) e também é ponto de partida dos passeios de barco para conhecer o Delta do Paraná.

De Buenos Aires você pode chegar de duas formas, desde a estação Retiro: pegando o Tren de La Costa, que percorre a costa ou o trem comum, que para em diversas estações até a cidade.

O Tren de La Costa é um trem turístico. Uma das paradas é a estação de Bartolomé Mitre, que vale a descida.

 

Zoológico de Luján

O Zoológico de Luján está localizado a cerca de 70 km de Buenos Aires, sendo uma atração controversa. Depois que visitamos o local e podemos ver de perto a vida que os animais levam no zoológico, não recomendamos o passeio.

O zoológico mais parece um sítio mal cuidado, não é um lugar bonito de se ver ou visitar. O chão é de terra batida, quase não tem grama ou área verde.

Vimos animais em ambientes que não chegam nem perto de lembrar seus habitats naturais, vivendo fora dos seus ritmos naturais de sono e alimentação. Os animais são submetidos a uma interação com os seres humanos que não nos parece ser nada agradável para eles, principalmente para os felinos.

Na nossa singela opinião, não vale a pena sair de Buenos Aires para ir até o zoológico com a intenção de tirar a foto pertinho de um tigre ou de um leão. Apesar da ideia poder motivá-lo a visitar o zoológico, lembre-se de que lá você não encontrará um leão ou um tigre em seu habitat natural nem mesmo em um zoológico bem cuidado, mas sim animais com a tristeza, apatia e inapetência estampados em seus rostos. É deprimente ver os animais com “correntes” no pescoço! Além disso, você perderá um bom tempo nas filas para tirar foto com os felinos.

Apesar do valor da entrada ser bem atrativo, é um preço alto de mais para se tirar fotos bonitinhas ou divertidas, pois o bem estar dos animais é algo que não tem preço, e neste zoológico não nos pareceu nada agradável a vida que os animais levam.

 

4 thoughts on “Buenos Aires: a capital do tango!

  1. Oi. Vi seu blog no comentários do matraqueando. Cheguei de BsAs há alguns dias. Para os que querem economizar, há na Florida um ótimo hostel – Hostel Suites Florida.
    É sempre bom conhecer novos viajantes.

  2. Você pode cotar um pacote com uma agência e quanto ficaria se você comprasse separado o vôo e o hotel. Por agência eles geralmente incluem o vôo, o hotel, o traslado e um city tour. Sem pacote, você poderá pegar um taxi no aeroporto e caso queira fazer algum passeio, pedir para o hotel reservar para você.

Deixe uma resposta